PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 24 DE ABRIL DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

16 DE JANEIRO DE 2019

“Para resolver problemas, praça precisa de ação política”, diz Lair


Vereador anuncia que retomará atividades do Fórum Permanente para acompanhar reforma prometida pelo poder público



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Lucas do Nascimento Machado (1 de 4) Salvar imagem em alta resolução

Fórum Permanente da Praça José Bonifácio teve primeira reunião no ano passado

Fórum Permanente da Praça José Bonifácio teve primeira reunião no ano passado
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (2 de 4) Salvar imagem em alta resolução

Lair Braga já defendeu reforma da Praça durante reuniões ordinárias

Lair Braga já defendeu reforma da Praça durante reuniões ordinárias
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (3 de 4) Salvar imagem em alta resolução

No ano passado, o vereador ouviu o clamor de moradores de rua naquela região

No ano passado, o vereador ouviu o clamor de moradores de rua naquela região
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (4 de 4) Salvar imagem em alta resolução

Lair também atua com pedidos oficiais, como a indicação 3357/2018

Lair também atua com pedidos oficiais, como a indicação 3357/2018
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Lair Braga já defendeu reforma da Praça durante reuniões ordinárias



Autor do Fórum Permanente da Praça José Bonifácio, o vereador Lair Braga (SD) defendeu uma “ação política” do poder público para resolver de maneira definitiva a necessidade de reforma, limpeza e ocupação do tradicional ponto de encontro da cidade.

“Após o recesso (que se encerra dia 4/2), a gente pretende marcar a segunda reunião (do Fórum) para dar continuidade nesta discussão, mas por enquanto temos a palavra do prefeito e do secretário (José Otávio Machado Menten, da Sedema) de que as reformas começariam em janeiro”, disse.

Lair destaca diversos pontos em relação ao que define “como busca de convívio alegre e comunitário” na Praça José Bonifácio. Além de questões estruturais, como a troca do piso, o parlamentar se preocupa com a ocupação irregular do local, a qual impede o uso pela população.

Nas discussões orçamentárias, ano passado, o parlamentar propôs emenda de R$ 950 mil à LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para reforma da Praça, porém a Prefeitura reservou R$ 450 mil. “Eu acho pouco, mas é o início e vamos acreditar que seja um ponto de partida”, disse.

“A praça tem que ser discutida a partir de ações que não sejam paliativas, mas medidas concretas”, observa o vereador. Ele cita como exemplos o chafariz e o coreto, os quais, segundo ele, devem ter um destino definitivo, se vai ser fechado ou reconstruído. “Moradores de rua ocupam esses espaços para práticas que não são convenientes perante à sociedade”, disse. 

Outro problema apontado pelo parlamentar é o bebedouro ao lado da guarita da Guarda Civil Municipal (GCM), próxima à Rua São José. “O espaço tem sido utilizado de maneira irregular, com pessoas lavando roupa e tomando banho, e acaba que a população, mesmo, que utilizaria para beber água, não consegue utilizar o bebedouro para esse fim”, disse.

Lair também se preocupa com as árvores, as quais considera “antiquada e inadequadas”. Em período de chuvas – setembro a março –, elas se tornam perigosas para quem frequenta a praça. “Além de servirem de guarida para pombos, que fazem sujeira, ameaçam a integridade do ser humano”, lembra, ao destacar que as árvores devem ser compatíveis com o local.

“O que a gente discute também é que não há canteiro de flores e, atualmente, as folhagens na praça são mal cuidadas, sendo que muitas não condizem com a praça e não trazem ar alegre”, acrescentou. 

Dentro do debate sobre a revitalização da Praça José Bonifácio, Lair Braga também quer definir, junto à Prefeitura e com os comerciantes, o modelo de ocupação da área de alimentação. “Embora sejam todos regularizados, não existe um padrão, tem o trailer e as barracas abertas, mas é importante que esse equipamento seja padronizado”, analisou o parlamentar. 

O objetivo do parlamentar é que a Praça José Bonifácio esteja apta ao convívio e descanso de quem tem o objetivo de usar o espaço público. “Infelizmente, hoje, as pessoas passam pelo local porque precisam, porque estão no Centro da cidade, e isso tem que mudar”, disse.

Ele lembrou que há o problema da sujeira deixada pelos moradores de rua. “Já tivemos um caso que ajudamos a atender, a pessoa estava passando mal e havia vomitado no banco da praça, o que deixava o espaço inapto para o uso”, disse o parlamentar. “Não é preconceito e sim uma forma de fazer com que o Município encare o problema como questão de saúde pública”, esclareceu, ao pedir mais ação da assistência social naquela região.

Fora da Praça José Bonifácio, mas ainda na região central da cidade, o parlamentar lembrou da indicação 3357/2018, de sua autoria, em que pede o aumento de ronda policial noturna na rua Governador Pedro de Toledo

“Em datas festivas e datas de pagamento, em que o comércio trabalha em horários especiais, você verá guardas civis, mas a PM é difícil você ver, com exceção de dois ciclistas que ficam num ponto estratégico, mas é raríssimo você ver a polícia passando”, disse, ao defender que, com maior segurança, dá mais tranquilidade para o comércio trabalhar. 



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoLair Braga

Notícias relacionadas