PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

21 DE MARÇO DE 2017

'Reforma da Previdência Não': começa coleta de abaixo-assinado


Grupo percorreu praça José Bonifácio e Terminal Central de Integração



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (1 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (2 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (3 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (4 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (5 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (6 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (7 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (8 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (9 de 9) Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 Salvar imagem em alta resolução

Piracicabanos se posicionaram contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer


Que o povo brasileiro trabalha e trabalha muito, ninguém tem dúvidas. Hoje já é assim, e com a reforma da Previdência, proposta pelo Governo Federal, será praticamente impossível conquistar o direito da aposentadoria em uma idade justa e com salário adequado. A campanha “Reforma da Previdência NÃO!", da Câmara Vereadores de Piracicaba, tem como objetivo mobilizar a população contra a reforma e muitos já aderiram à causa.

Esta terça-feira, 21, foi o primeiro dia de coleta de assinaturas para o abaixo-assinado contra a reforma da Previdência, na praça José Bonifácio. No período da manhã, muitos piracicabanos se posicionaram firmemente contra o absurdo proposto pelo presidente Michel Temer (PMDB). Manoel Domingues Alves, caminhoneiro, disse que depois que se aposentou trabalhou por mais 12 anos. “Tive que trabalhar para complementar a renda. Sou contra a reforma, sem dúvida”, disse.

O guarda municipal Edson dos Santos disse que a reforma é um absurdo. “Fere os direitos dos trabalhadores. O cidadão vai ter que começar muito cedo a trabalhar e não vai aproveitar a aposentadoria se conseguir o benefício. Me preocupo principalmente com as novas gerações”, afirmou.

Já o taxista Valdecir José de Oliveira afirmou que já tem 29 anos de recolhimento e com a reforma ele acredita que será difícil se aposentar. Ele aproveitou para dar um recado ao governo: “primeiramente, tem que haver uma reforma política. Não é possível ter qualquer reforma antes da reforma política”.

As adesões para o abaixo-assinado continuam nos próximos dias, até atingir o mínimo de 20 mil assinaturas. Voluntários continuarão no Terminal Central de Integração (TCI) e também na praça José Bonifácio recolhendo as assinaturas. Os sindicatos que apoiam a iniciativa também já começaram a coletar as adesões.

Outra forma de manifestar apoio à campanha é assinando a petição on-line contra a reforma da Previdência, que também será encaminhada a deputados federais e senadores. Para isso, basta acessar o site goo.gl/WPwC6H e informar nome completo e um endereço de e-mail.

A campanha da Câmara tem como parceiros o Conespi (Conselho das Entidades Sindicais de Piracicaba), a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) 8ª Subsecção, o Colegiado das Lojas Maçônicas de Piracicaba e Região, o Conselho de Pastores de Piracicaba, o Sindireceita (Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da Receita Federal), a Aojesp (Associação dos Oficiais de Justiça do Estado de São Paulo) e o Sindifisco Nacional.



Texto:  Rebeca Paroli - MTB 25.992
Revisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: Reforma da Previdência

Notícias relacionadas