PIRACICABA, DOMINGO, 17 DE NOVEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

19 DE AGOSTO DE 2019

Tozão participa de denominação de praça no bairro Santana


O italiano Bôrtolo Vitti foi homenageado com seu nome em praça localizada na rua São Paulo.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar (3 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar (4 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar (5 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar (6 de 6) Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

Evento ocorreu na manhã deste domingo (18).



O vereador Osvaldo Schiavolin, o Tozão (PSDB), participou na manhã deste domingo (18), acompanhado de um grupo de moradores, do secretário do Sedema (Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente), José Otávio Menten, e do prefeito Barjas Negri, para a denominação da praça Bôrtollo Vitti, localizada na rua São Paulo, no bairro Santana.

Vitti nasceu em 30 de novembro de 1829, em Cortesano-Meano-Trento, na Itália. Na infância e juventude cultivou uvas, junto com seus pais. Em 1856, casou-se com Maria Maddalena Sartori, com quem teve 10 filhos. Dificuldades com a escassez de trabalho e lutas políticas obrigaram a família a deixar sua terra natal e migrar para o Brasil.

A chegada a terras brasileiras aconteceu em 23 de agosto de 1877. A família seguiu rumo à Fazenda Sete Quedas, em Campinas, para trabalhar no cultivo do café. Após 10 anos, com as economias, compraram o Sítio Sete Cabeças em Rio Claro. Em 1º de agosto de 1893, junto com toda a família Bôrtolo comprou uma fazenda Santana. Bôrtolo Vitti faleceu em 21 de março de 1901. 

A denominação é fruto do projeto de lei 205/1993, de autoria do ex-vereador Guido Negri.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: LegislativoOsvaldo Schiavolin

Notícias relacionadas