PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 24 DE NOVEMBRO DE 2017 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

10 DE NOVEMBRO DE 2017

Matheus Erler destaca Câmara como espaço democrático


Presidente do Legislativo piracicabano foi entrevistado, na noite desta quinta-feira (9), do programa Primeiro Tempo



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Matheus Erler participou do programa Primeiro Tempo, na noite desta quinta-feira (9)




O vereador Matheus Erler (PTB), presidente da Câmara de Vereadores de Piracicaba, enaltece o Legislativo piracicabano como espaço democrático. Ele enumerou os diversos debates que a Casa de Leis abrigou nesta semana, como a derrubada do parecer da Comissão de Legislação, Justiça e Redação (CLJR) do projeto sobre a ficha limpa municipal e audiência pública sobre a LOA (Lei Orçamentária Anual) de 2018. 

“Este é um dos momentos em que a população mais tem usado este espaço público para poder participar do processo político”, disse. “O País passa por uma crise, mas aqui na Câmara a população tem participado e posso garantir que continuaremos dando guarida e tutela aos anseios e necessidades da sociedade”, destacou o parlamentar. 

“Não é comum a Câmara ser contra a CLJR, mas (o projeto de lei 19/2017, sobre a ficha limpa) é muito importante por atingir, especialmente, os cargos comissionados”, disse Matheus Erler. A proposta é de autoria do vereador Paulo Campos (PSD) e, agora, voltará ao Plenário da Câmara, onde terá o mérito votado pelos parlamentares. 

Erler também ressaltou o esforço da Câmara em reduzir os custos e, com isso, contribuir com a Administração municipal. Na audiência pública desta semana, sobre a LOA 2018, o secretário municipal de Finanças, José Admir de Moraes Leite, informou que metade dos recursos economizados pelo Legislativo será investida na área da Saúde. 

A informação culmina na mesma semana em que os vereadores iniciaram os trabalhos da Frente Parlamentar Pró-Saúde, criada com o intuito de mobilizar as cidades da região em torno dos problemas no setor. “A Câmara tem se empenhado muito para discutir essa questão, já que o Município tem uma dívida com a Santa Casa”, disse Erler. 

Ao finalizar a entrevista, o presidente do Legislativo lembrou ainda da ampla discussão sobre o projeto de lei complementar 17/2017, que trata do Plano de Carreira dos professores da rede municipal de ensino. “Atinge pelo menos três mil pessoas, que não podem perder direitos”, disse. Na reunião desta quinta-feira (9), foi retirado o requerimento do vereador Marcos Abdala, que convocada audiência sobre a propositura. 

A intenção é que, antes de ser votado, o PL 17/2017 passará por mais reuniões entre representantes do Legislativo, do Executivo e de entidades representativas da categoria.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoMatheus Erler

Notícias relacionadas