PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

26 DE OUTUBRO DE 2018

Lair Braga defende central emergencial para animais abandonados


O parlamentar apresentou o caso pitoresco de um urubu, com ferimentos, que perambulava pela cidade, sendo que um cidadão ligou para uma rádio pedindo providências.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Lair Braga defende central emergencial para animais abandonados






Sexto orador a discursar da Tribuna da Câmara, na 64ª reunião ordinária de ontem (25), por 10 minutos regimentais, o vereador Lair Braga (SD) relatou um fato pitoresco, que deve causar preocupação das autoridades públicas. 

Segundo o parlamentar, ainda quando estava em seu programa diário por uma rádio da cidade, um cidadão ligou, preocupado com um urubu, que deveria ter sofrido algum acidente por ter tomado um choque ou caido de algum prédio e, que perambulava nas imediações do cruzamento da rua Dom Pedro com a rua Luiz Razera, sendo que os bombeiros, quando acionados, não sabiam o que fazer com a ave, pois a Corporação não conta com espaço para aves e, naquela hora do incidente o Zoológico já havia fechado. 

O parlamentar disse que chegou a fazer um apelo pelo rádio, sendo que no final o urubu foi localizado e os Bombeiros solucioram a questão. Diante do acontecido, o vereador Lair Braga defende que o município precisa ter um serviço emergêncial para estes casos, o que também poderá resolver o problema de cachorros mortos, que ficam abandonados.

Em aparte nesta discussão, o vereador Laércio Trevisan Jr. (PR) disse que já cobrou providências da prefeitura neste sentido.

O vereador Lair Braga continuou suas considerações sobre animais mortos e abandonados na periferia. E, disse que irá até à Sedema (Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente), sendo que acima de tudo há que se respeitar o urubu, que não come "carne humana", disse.

Lair Braga também falou do projeto da Petrobras, ao longo da Rua do Porto, que está abandonado, sendo que o turismo atrai divisas. Também pediu que no próximo domingo, frente à uma decisão importante, que o preconceito e o ódio estejam ausentes, para que se faça o melhor para o Brasil.

O parlamentar também falou da atuação do Tribunal de Contas, em denúncia sobre a existência de quatro mil obras abandonadas no país, sendo que o povo está sem creche, sem saúde pública e sem salário. "É preciso dar um basta, porém, com inteligência", disse.

Lair Braga disse que pedirá a Deus que ilumine a sua vontade. "Até agora estou confuso, não há definição na minha cabeça. É um jogo de simulações, não se apresentam propostas", disse.



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: Reunião OrdináriaLair Braga

Notícias relacionadas