PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 20 DE NOVEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

08 DE OUTUBRO DE 2019

Encontro de doadores de órgãos motiva reconhecimento da Câmara


Moção de aplausos é de autoria do vereador Laércio Trevisan Jr.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Moção foi aprovada na noite desta segunda-feira (7), na 57ª reunião ordinária



De autoria do vereador Laércio Trevisan JR (PL), a moção de aplausos 184/2019 foi aprovada na 57ª reunião ordinária, nesta segunda-feira (7). A proposituradestaca o 8º Encontro de Doadores e Receptores de Órgãos, que foi realizado no dia 27 de setembro deste ano, na Santa Casa de Misericórdia de Piracicaba.

Os homenageados serão o atual provedor João Orlando Pavão e a coordenadora da Cihdott (Comissão Intra-Hospitar de Doação de Órgãos, Tecidos e Transplantados da Santa Casa de Misericórdia de Piracicaba), enfermeira chefe Jacqueline Defávari.

De acordo com Trevisan, a Cihdott da Santa Casa trabalha na busca ativa de doadores de órgãos, ao diagnóstico, à notificação de morte encefálica e à abordagem da família para doação. A comissão reúne profissionais preparados para esclarecer dúvidas quanto ao aspecto da doação e o resultado tem sido positivo.

O evento que é organizado pela Cihdott e teve o apoio e a participação de João Orlando Pavão. Segundo o vereador, o provedor falou da importância da doação de órgãos, agradeceu a presença dos familiares, doadores, colaboradores e toda a equipe. Além dele, a atividade contou com a participação de pessoas submetidas a um transplante e familiares que doaram órgãos de entes queridos.

O encontro aconteceu duas semanas após a realização da Corrida pela Vida, que há três anos integra o calendário de ações e que a cada edição ganha força ao divulgar a importância de ser um doador de órgãos. Cerca de duas mil pessoas participaram da última edição.

De acordo com Trevisan, o 8º Encontro encerrou com “chave de ouro” o mês de conscientização. Todas as ações foram realizadas com sucesso e os pontos altos do encontro foram a missa de ação de graças, palestras e roda de conversa e o depoimento de pessoas que passaram por situações que envolvem a doação ou o transplante.

Trevisan destacou que, segundo Jacqueline Defávari Bonilha, todas as ações realizadas neste mês, teve como foco principal a conscientização de populares e a capacitação dos profissionais de saúde. “A participação de todos é muito emocionante, pois ficamos conhecendo da luta de cada uma das pessoas alí presentes. É a oportunidade que encontramos de agradecer os familiares pelas doações registradas na Santa Casa”, disse ela.

Entre os participantes do 8º Encontro, esteve a nefrologista Astrid Giorgia Zanatta que há quase três anos passou por um transplante de rim. A insuficiência renal foi constatada quando ela ainda cursava medicina. Após quatro anos de hemodiálise e de espera por um doador, ela foi comunicada que havia um rim compatível. Após a cirurgia, permaneceu por dois meses internada devido à complicações que foram desde a rejeição até infecção.

Em 2018, a Santa Casa de Piracicaba recebeu um prêmio de reconhecimento da Secretaria de Estado da Saúde devido a atuação da Cihdott como sendo a comissão que mais registrou notificações para captação de córneas no estado, no ano anterior. O resultado garantiu à Santa Casa também o Título de Hospital Amigo do Transplante.

“Ressalta-se também o trabalho de toda a equipe de marketing desenvolvido no 8º Encontro de Doadores e Receptores de Órgãos, pela coordenadora de comunicação da Irmandade da Santa Casa de Piracicaba, a jornalista Nilma de Oliveira Maratori”, relembrou o parlamentar.



Texto:  Ana Caroline Lopes
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoLaércio Trevisan Jr

Notícias relacionadas