PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 15 DE AGOSTO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

11 DE JUNHO DE 2018

Curso Inteligência Emocional estreia sala da Escola do Legislativo


Osmar Ventris discutiu como é possível desenvolver os tipos de inteligência



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (1 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (2 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (3 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (4 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (5 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (6 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (7 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (8 de 8) Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 Salvar imagem em alta resolução

Encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira


O curso Nossa Inteligência, Nosso Perfil teve o segundo encontro na manhã desta segunda-feira (11) e estreou o novo espaço na Escola do Legislativo, no andar térreo do prédio anexo da Câmara (rua do Rosário, 833, Centro).

“É a primeira vez que estamos usando este espaço”, iniciou a vereadora e diretora da Escola do Legislativo, Nancy Thame (PSDB), após todos os alunos se sentarem em círculo. “Acho muito bacana começar todos em círculo. Isso tem um significado grande na Câmara de Vereadores, quando tantas pessoas querem falar e atuar e não sabem por onde começar. Se a política não faz o bem na vida das pessoas, não serve para nada. Servirá apenas para corrupção e holofote”, relatou ela.

O encontro com Osmar Ventris, do instituto Pacto para a Cidadania, estava previsto para 28 de maio, mas o adiamento foi necessário em virtude dos bloqueios nas estradas, ocasionados pela paralisação dos caminhoneiros, e da dificuldade para abastecimento de combustível.

A inauguração da sala da Escola do Legislativo ocorreu em 25 de maio. O espaço de 65 metros quadrados comporta até 70 alunos e tem como foco a acessibilidade de pessoas com deficiência, idosos ou com mobilidade reduzida. A sala foi concebida como área complementar às já utilizadas pela Câmara no desenvolvimento das aulas da Escola do Legislativo: o Salão Nobre Helly de Campos Melges, além da sala de reuniões e o anfiteatro do quarto andar do prédio anexo. A localização permite ainda maior visibilidade do público - por estar no hall de acesso aos gabinetes.

PALESTRA -- O palestrante Osmar Ventris trouxe em seu curso a construção da cultura de paz, que busca somar e desenvolver histórias que criam conexões. “É necessário pessoas que consigam trabalhar em equipe”, disse ele.

Ventris explicou que são espaços vazios que são ocupados por emoções que nos fazem chorar ou sentir saudade. Então, são apresentados três tipos de inteligência. A espiritual, que o indivíduo se encontra em um estado de inconformismo, o que achamos injusto e o que procuramos melhorar. A emocional é se conhecer e saber seus limites e lidar com o que está conhecendo. É a forma como age diante da raiva, medo ou amor. “Quem tem medo de elevador?”, ele exemplificou, “a pessoa trabalha com isso? Procura ajuda? Então trabalhamos nesse limite", respondeu. E a intelectual, que são as dificuldades, principalmente de emoções. 

“Foi feita uma pesquisa, onde a inteligência emocional constatou que nossa inteligência intelectual é responsável de 20% do nosso sucesso e 80% está na forma como nós migramos com as nossas emoções e a forma como nos conectamos com a emoções das outras pessoas”, acrescentou o palestrante.

“Sabemos nos comunicar?”, perguntou Ventris aos alunos e, em seguida, trouxe duas frases: “estou magoado com você” e “sinto-me traído por vocês”. A primeira se trata de um sentimento e a segunda um julgamento de estar sendo traído, mesmo que os alvos não estejam. Então, Ventris justificou o quanto há uma falha na comunicação por não conseguirmos identificar o sentimento e o não sentimento.

O palestrante tratou das necessidades não atendidas e da comunicação malfeita, que geram violência. Ele deu o exemplo de quando uma mãe chega cansada do trabalho, encontra a casa toda bagunçada e com os filhos jogando videogames. Imediatamente, essa mãe vai criar um sentimento que vai gerar uma reação: descontar o estresse e xingar os filhos. E que, portanto, é importante observar e trabalhar o fato sem julgamentos, podendo ser usadas outras maneiras honestas para que isto não ocorra.



Texto:  Fernanda Rizzi
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: Escola do LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas