PIRACICABA, DOMINGO, 21 DE OUTUBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

26 DE SETEMBRO DE 2018

Curso apresenta a importância do cerimonial em organização de eventos


Diretor do Departamento de Relações Públicas e de Cerimonial da Câmara, Luciano Jr. abordou a precedência em cerimônias.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (1 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Vereadora Nancy Thame e o cerimonialista Luciano Jr.

Vereadora Nancy Thame e o cerimonialista Luciano Jr.
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (2 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (3 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (4 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Cerimonialista Luciano Jr.

Cerimonialista Luciano Jr.
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (5 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (6 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (7 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (8 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (9 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (10 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (11 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (12 de 12) Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 Salvar imagem em alta resolução

Curso apresentou fatores que são essenciais no cerimonial: boa vontade, organização e bom senso






Oferecido gratuitamente pela Escola do Legislativo, o curso de Cerimonial e Protocolo Público, ministrado nesta quarta-feira (26) por Luciano Jr., diretor do Departamento de Relações Públicas e de Cerimonial da Câmara, retratou a importância da realização e da organização de eventos.

Luciano Jr. explicou que o termo "cerimonial" existe desde a época da antiga Grécia e ganhou destaque na Idade Média nas cortes feudais europeias. "O cerimonial cria o quadro e a atmosfera nos quais as relações pacíficas dos Estados soberanos são chamadas para se realizarem", explicou.

O palestrante afirmou que o cerimonial é um dos principais instrumentos da diplomacia, por consistir na observância de certas formalidades, na expressão de boas maneiras entre as nações e na regra essencial das relações humanas. "Não é exatamente uma ciência política e não possui vaidades. É uma disciplina sobre a qual há vários estudos sistêmicos", disse Luciano Jr.

O diretor definiu "protocolo" como o conjunto de normas rígidas a serem seguidas por todos os participantes de um ato solene ou festa pública e "etiqueta" como as regras de comportamento individuais a serem seguidas em encontros informais, sociais e corporativos.

O cerimonialista também citou que a única legislação em vigor no Brasil sobre o tema existe desde 1972: trata-se do decreto 70.274, que contém normas e a ordem de precedência do Poder Executivo, dividindo as solenidades.

"Os poderes Legislativo e Judiciário elaboram atos e normas definindo os seus próprios cerimoniais, observando e cumprindo igualdades", observou o palestrante.

Luciano Jr. falou sobre a ordem de precedência, pela qual se estabelece a estrutura máxima do Estado, à medida que determina a ordem hierárquica das autoridades do Estado, de um organismo ou de um grupo social. Ele acrescentou que o cerimonial se apresenta pela própria precedência, indicando quem é quem na solenidade, montagem da mesa de honra e ordem de lugares.

"A precedência é definida pelo cargo, não importa idade ou sexo", completou o palestrante, que abordou, ainda, a importância do check-list, a composição e os tipos de mesas e a necessidade de boa organização, bom senso e planejamento em relação a eventos.

"A Escola do Legislativo é um espaço no qual investimos pela aproximação da política, o que só se faz com o conhecimento, pois, sem ele, somos reféns do ódio", disse a vereadora Nancy Thame (PSDB), presente no evento. "Precisamos usar este espaço para a população. A Escola é aberta para todo mundo. Todos podem propor um tema", completou a diretora da Escola do Legislativo.

O curso de Cerimonial e Protocolo Público terá nova turma em 31 de outubro e as inscrições já estão abertas.



Texto:  Fernanda Rizzi
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918
Imagens de TV:  Paulo Soares - MTB 62.602
Reportagem de TV:  Marcelo Bandeira - MTB 33.121
Edição de TV:  Paulo Soares - MTB 62.602


Tópicos: Escola do LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas