PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 28 DE MAIO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

08 DE MAIO DE 2018

Aprovado projeto que institui o Dia do DeMolay no município


PL 63/2018, de autoria do vereador Ronaldo Moschini, foi aprovado em segunda discussão e agora segue para o Executivo para se tornar lei



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Evento será comemorado anualmente no dia 18 de março.




Aprovada em segunda discussão na 25ª reunião ordinária a nova redação ao projeto de lei 63/2018, de autoria do vereador Ronaldo Moschini (PPS), que institui o Dia do DeMolay no Calendário Oficial de Eventos do Município. O evento será comemorado anualmente no dia 18 de março.

Segundo justificativa do parlamentar, o objetivo do projeto é “reconhecer a dedicação de Maçons e DeMolays que, desde 2006, dedicam-se a promover desenvolvimento moral e ético à juventude piracicabana, atuando com atividades sociais e filantrópicas em prol de um mundo melhor, mais justo e igualitário”.

Introduzida e desenvolvida no Brasil a partir de 1985, pelo Maçom Alberto Mansur, a Ordem DeMolay tem o intuito de formar, desenvolver e fortalecer o caráter de jovens, com base em estudos filosóficos e a prática de trabalho filantrópico, “desenvolvidos à luz das virtudes do amor filial, reverência pelas coisas sagradas, cortesia, companheirismo, fidelidade, pureza e patriotismo”, afirma o parlamentar.

Em Piracicaba, a Ordem realiza um trabalho filantrópico em diversas instituições, como no Lar dos Velhinhos, em diversas oportunidades, na Escola Passo a Passo, com ação social contra o câncer infantil, doando alimentos ao Caphiv (Centro de Apoio HIV/Aids e Hepatites Virais), realizando trabalhos com a Casa do Bom Menino e eventos de conscientização do trânsito seguro, junto à subseção de Piracicaba da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Em especial, o vereador destaca a Campanha de Cadastramento de Possíveis Doadores de Medula Óssea, realizada em parceria com o Hospital de Câncer de Barretos, que atingiu o recorde latino-americano de cadastramento de doadores de medula.

“O projeto possui o condão de incentivar e estimular a continuidade dos trabalhos, viabilizando cada vez mais a construção de um futuro melhor para a juventude e para a sociedade”, afirma Moschini, que na reunião ordinária de ontem também usou a Tribuna da Câmara para destacar a importância da aprovação do projeto.

 



Texto:  Maira Bacellar (estagiária)
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoRonaldo Moschini

Notícias relacionadas