PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 23 DE ABRIL DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

27 DE MARÇO DE 2018

Trevisan lamenta que Prefeitura precise ganhar aparelho de R$ 5 mil


"Que porcaria de Prefeitura é essa, nesta administração, que não consegue comprar um eletrocardiógrafo para colocar nas unidades de saúde?", criticou o vereador.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Trevisan ocupou a tribuna durante a reunião ordinária desta segunda-feira




Ao comentar a doação, feita pela empresa ArcelorMittal, de um eletrocardiógrafo ao PSF (Programa Saúde da Família) do Jardim Primavera, o vereador Laércio Trevisan Jr. (PR) lamentou que o gesto indique falta de capacidade da Prefeitura ––cujo Orçamento em 2018 é de R$ 1,6 bilhão–– em adquirir o aparelho, avaliado em R$ 5 mil.

"Fico pensando: que porcaria de Prefeitura é essa, nesta administração, que não consegue comprar um eletrocardiógrafo para colocar nas unidades de saúde? Isso me deixa angustiado: uma Prefeitura que tem R$ 1,6 bilhão em caixa precisar ganhar um aparelho", disse Trevisan, na tribuna, durante a 15ª reunião ordinária, nesta segunda-feira (26).

O vereador criticou as tentativas de parte das pessoas de desviar o foco de Piracicaba, "querendo dizer que aqui está tudo bem". "Fico pasmo com o que acontece na cidade: contrato de corte de mato e limpeza pública não se faz mais; contrato de tapa-buracos está sem, não conseguiu licitar até hoje. Estamos no terceiro mês do ano e não conseguimos cortar mato, limpar, tapar buraco", afirmou.



Texto:  Ricardo Vasques - MTB 49.918
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoLaércio Trevisan Jr

Notícias relacionadas