PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

27 DE MARÇO DE 2018

Relinho defende uso da praça para pregação evangélica


Pastores decidiram abolir uso de equipamentos eletrônicos em pregações na praça como forma de minimizar o desgaste com quem reclama da prática, alegando poluição sonora.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Relinho ocupou a tribuna durante a reunião ordinária desta segunda-feira






O vereador Rerlison Rezende, o Relinho (PSDB), informou que, após se reunir com a Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente e o Pelotão Ambiental, da Guarda Civil Municipal, ficou decidido que os evangélicos que fazem pregação na praça José Bonifácio, no Centro, deixarão de usar microfones, megafones e outros equipamentos eletrônicos como forma de minimizar o desgaste com quem reclama da prática, alegando poluição sonora.

"Nós, pastores, optamos por utilizar a praça sem nenhum material eletrônico, só no 'gogó'. Continuaremos pregando o evangelho, porque a boca do cristão ninguém vai fechar", disse Relinho, na tribuna, durante a 15ª reunião ordinária, nesta segunda-feira (26).

O parlamentar citou a Constituição Federal para defender a liberdade de culto e a de ocupar praças públicas sem necessidade de aval prévio.

"Todos podem reunir-se pacificamente em lugares abertos ao público independentemente de autorização, desde que não frustrem reunião anteriormente convocada. Se os moradores em volta da praça ou os que trabalham lá não gostam de evangélicos, isso é outro problema: chama-se preconceito", afirmou.



Texto:  Ricardo Vasques - MTB 49.918
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoRerlison Rezende

Notícias relacionadas