PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 22 DE JUNHO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

12 DE MARÇO DE 2018

Projeto propõe criar 'Semana de Conscientização da Alergia Alimentar'


Segundo pesquisa, alergia alimentar é a segunda causa de anafilaxia no Brasil, perdendo apenas para reações a medicamentos.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Projeto de decreto legislativo de Nancy Thame já conta com parecer favorável da CLJR


Por meio do projeto de decreto legislativo 1/2018, a vereadora Nancy Thame (PSDB) propõe instituir na Câmara a "Semana de Conscientização da Alergia Alimentar", a ser realizada anualmente na terceira semana de maio. A propositura já recebeu parecer favorável da Comissão de Legislação, Justiça e Redação.

Criada nos Estados Unidos pela instituição Fare (Food Allergy Anaphylaxis Network), em 1998, a semana tem como objetivos organizar e desenvolver ações em busca de melhorias na qualidade de vida de pessoas alérgicas bem como de seus familiares.

A ideia de trazer o evento para o município surgiu após reunião com integrantes do movimento "Põe no Rótulo", realizada no início deste ano. Elas debateram a necessidade de promover a conscientização da população e do Poder Público sobre o assunto em Piracicaba. "São mães que sofrem diariamente com o problema e trouxeram essa demanda para mim. Acho importante divulgar o tema", conta Nancy.

"Adotar políticas públicas que fomentem a conscientização sobre a temática é um dos anseios da população que convive com a alergia alimentar. Quanto mais conhecimento, maior a probabilidade de os indivíduos que tenham alergia alimentar poderem, de maneira segura, participar de atividades cotidianas", afirma a parlamentar no texto do projeto.

Nancy cita, na justificativa, uma pesquisa publicada no "World Allergy Organization Journal" que afirma uma incidência de 6,2% de anafilaxia no Brasil, sendo que a alergia alimentar é a segunda causa do problema, perdendo apenas para reações a medicamentos.

"Enquanto espaço legislativo, temos que difundir o conhecimento. Essas pessoas não têm respaldo na sociedade e o assunto não é conhecido. A conscientização é necessária", conclui a parlamentar.



Texto:  Débora Bontorim Saia
Supervisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918


Tópicos: LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas