PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 20 DE NOVEMBRO DE 2017 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

14 DE NOVEMBRO DE 2017

Paulo Campos critica demora no atendimento em UPA


"O médico que deixa de atender na UPA, ganhando R$ 1.700 por plantão, também está sendo corrupto em detrimento de uma população que tanto necessita", disse.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Paulo Campos ocupou a tribuna durante a reunião ordinária desta segunda-feira




O vereador Paulo Campos (PSD) expressou indignação com a demora no atendimento de pacientes que buscam a UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) da Vila Cristina. Ao ocupar a tribuna, durante a 66ª reunião ordinária, nesta segunda-feira (14), o parlamentar citou o caso de um homem que chegou às 13h15 ao local e, às 17h, ainda não havia sido atendido.

"Entrei em contato com a UPA, falei com o enfermeiro-chefe e a informação procedia. Sabemos que alguns médicos, infelizmente, deixam de atender, por um motivo ou outro. Isso não pode acontecer. Isso também é corrupção, porque ele está ganhando e não está trabalhando; está sendo corrupto na atividade dele."

"Quando se fala em corrupção, conota-se que é só o político, mas o médico que deixa de atender na UPA, ganhando R$ 1.700 por plantão, também está sendo corrupto em detrimento de uma população que tanto necessita", disse o vereador.



Texto:  Ricardo Vasques - MTB 49.918
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoPaulo Campos

Notícias relacionadas