PIRACICABA, SÁBADO, 21 DE SETEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

25 DE JUNHO DE 2019

Paulo Campos chama de 'nefasta' proposta de reforma da Previdência


Vereador criticou intenção do governo de querer economizar cerca de R$ 1 trilhão nos próximos dez anos com medidas que restringem direitos que contemplam os mais pobres.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Paulo Campos ocupou a tribuna durante a reunião ordinária desta segunda-feira






O vereador Paulo Campos (PSD) classificou de "nefasta" a proposta de reforma da Previdência apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) e em tramitação na Câmara dos Deputados.

O parlamentar criticou a intenção do governo de querer economizar, caso o texto seja aprovado, cerca de R$ 1 trilhão nos próximos dez anos com medidas que restringem direitos que hoje contemplam os mais pobres, como o BPC (benefício de prestação continuada).

"Querem economizar R$ 1 trilhão, mas R$ 450 bilhões são devidos por empresários. Por que não cobram deles? Vão tirar dos menos abastados? Isso nos chama a atenção e chega a dar nojo, pois a população sofre para conseguir o BPC."

Com voto declarado em Jair Bolsonaro nas eleições do ano passado, Paulo Campos expressou sua decepção com o presidente em seis meses de mandato. "Antes das eleições, se tivesse seguido conselho da vereadora Nancy Thame, não teria votado em Bolsonaro. De políticos desse perfil o país não precisa", afirmou o vereador.



Texto:  Ricardo Vasques - MTB 49.918
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoPaulo Campos

Notícias relacionadas