PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 24 DE JANEIRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

19 DE NOVEMBRO DE 2019

Rede de atendimento finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência


Ações do Conselho e da Procuradoria da Mulher, integrada pelas vereadoras Nancy Thame e Coronel Adriana, contribuem com as políticas públicas de proteção à mulher



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Sidney Jr (1 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência
Foto: Sidney Jr (2 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Marilda Soares

Marilda Soares
Foto: Sidney Jr (3 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Pâmela Cristina

Pâmela Cristina
Foto: Sidney Jr (4 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Elaine Zanatta

Elaine Zanatta
Foto: Sidney Jr (5 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Ermelinda Esteves

Ermelinda Esteves
Foto: Sidney Jr (6 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Tatiana Bonini

Tatiana Bonini
Foto: Sidney Jr (7 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Monalisa Santos

Monalisa Santos
Foto: Sidney Jr (8 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Rosália Ometto

Rosália Ometto
Foto: Sidney Jr (9 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência
Foto: Sidney Jr (10 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Nancy Thame

Nancy Thame
Foto: Sidney Jr (11 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência
Foto: Sidney Jr (12 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Marlise Galdino

Marlise Galdino
Foto: Sidney Jr (13 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Laura Queiroz

Laura Queiroz
Foto: Sidney Jr (14 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Sônia Pateis

Sônia Pateis
Foto: Sidney Jr (15 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Sônia Pateis

Sônia Pateis
Foto: Sidney Jr (16 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência
Foto: Sidney Jr (17 de 17) Salvar imagem em alta resolução

Carolina Angelelli

Carolina Angelelli
Foto: Sidney Jr Salvar imagem em alta resolução

Conselho da Mulher finaliza estudos de fluxogramas sobre a violência



Reunião mensal da Rede de Atendimento e Proteção à Mulher, sob coordenação da Procuradoria Especial da Mulher, da Câmara de Vereadores de Piracicaba –– integrada por Nancy Thame (PSDB) e Adriana Cristina Sgrigneiro Nunes, a Coronel Adriana (CID)–– e do Conselho Municipal da Mulher, na presidência de Carolina Angelelli aconteceu na manhã desta terça-feira (19), das 8h30 às 10h30, nas dependências da sala "Walter Ferreira da Silva", segundo andar do prédio anexo, rua São José.

Os trabalhos se pautaram na análise final de fluxogramas, com foco nos trabalhos da Patrulha Maria da Penha, da Guarda Civil Municipal, sob a coordenação de Sônia Pateis. Também foi avaliado o fluxograma da secretaria municipal de Saúde, em ajustes e encaminhamentos já aprovados pelo titular da pasta, o secretário Pedro Mello, sobre os casos de violência contra as mulheres.

Sônia Pateis discorreu sobre toda dinâmica da Patrulha Maria da Penha, no acompanhamento dos casos de violência, sendo que nos fluxogramas são feitos os encaminhamentos dentro da prefeitura, sendo que no ano de 2019 houve bastante divulgação, em jornais e pontos de ônibus, para alertar as mulhereS sobre onde procurar por ajuda. 

Dentro do fluxograma é garantido o encaminhamento dos casos, para o direcionamento adequado. O funcionamento da Patrulha se dá nas 24 horas, com o respaldo de quatro equipes fazendo rondas, passando em frente às residências, em visita domiciliar, até o local onde a mulher possa estar se sentindo ameaçada. 

Sônia também destacou o telefone 153, para acionar a Viatura da Guarda Civil, que dará o atendimento específico, voltado às mulheres que sofreram violência doméstica e tenham a medida protetiva. 

Carolina Angelelli, presidente do Conselho Municipal da Mulher fez um balanço da reunião, que serviu para integrar pessoas que fazem parte da Rede de Proteção, que compreende pessoas de várias secretarias. A rede trabalha na conclusão dos fluxogramas que serão disponibilizados À população, com foco na elaboração de Plano Municipal de Enfrentamento Contra a Violência à Mulher.

Angelelli ainda considerou o papel do Conselho, na atuação paralela à Rede de Proteção da Mulher, evidenciando todo aspecto jurídico, em ponto de amparo de saúde, para que a população tome ciência destas informações.

O grupo de trabalho também registrou a presença de Juliane Martins de Oliveira (Conepir), Laura Queiroz (Conselho da Mulher), Pâmela Cristina (Coletivo Maria de Lutas), Marlise Galdino (secretaria Educação), Tatiana Bonini (secretaria Saúde), Solange Aguiar (secretaria Desenvolvimento Social), Rosália Ometto (Catedral Metodista). Além de outras representações de entidades, na luta de defesa da mulher.



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas