PIRACICABA, QUINTA-FEIRA, 22 DE AGOSTO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

19 DE JULHO DE 2019

Procuradoria da Mulher da Câmara apresenta fluxograma de atendimento


Outras instituições da cidade detalharam seus trabalhos na terceira reunião da comissão responsável, nesta quinta-feira.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (3 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (4 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (5 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (6 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (7 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (8 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (9 de 9) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução


Na sequência dos trabalhos de elaboração de um fluxograma de atendimento às mulheres vítimas de violência na cidade, a comissão responsável, formada por integrantes da Rede de Atendimento e Proteção à Mulher, reuniu-se em um terceiro encontro nesta quinta-feira (18), na sede da Smads (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social).

Durante a reunião, foi apresentado o fluxograma individual da Procuradoria Especial da Mulher da Câmara, pela procuradora e vereadora Nancy Thame (PSDB). Criado por meio da resolução 2/2018, junto com a vereadora Adriana Cristina Sgrigneiro Nunes, a Coronel Adriana (CID), o órgão independente tem o propósito de "fomentar e ampliar a participação efetiva das vereadoras no processo de inserção, acompanhamento e fiscalização dos programas governamentais, em ações para coibir a discriminação e a violência contra a mulher e cooperar com organismos na promoção dos direitos e da igualdade de gênero".

Acompanhado pelo Conepir (Conselho Municipal de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra de Piracicaba), o serviço do Disque Racismo (156) também teve fluxograma próprio apresentado pela conselheira Marilda Soares, que é chefe de gabinete da vereadora Nancy Thame e representante do Centro de Documentação, Cultura e Política Negra. Neste caso, o objetivo é dar auxílio no encaminhamento de denúncias de violência racial contra as mulheres.

A coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Sônia Pateis, apresentou dois fluxogramas da Guarda Civil Municipal: um do recebimento de denúncias do serviço Disque 153 e outro de medidas protetivas enviadas pelo Fórum de Piracicaba. No decorrer da reunião também foi exposto o fluxograma individual do Ministério Público do Estado de São Paulo, pela promotora de Justiça Maria Christina Marton Freitas.

O terceiro encontro contou ainda com a presença da secretária da Smads, Eliete Nunes; da presidente do Conselho Municipal da Mulher, Laura Queiroz; de Veridiana Ricci, coordenadora do Creas I e II (Centro de Referência Especializado de Assistência Social); de Nathália Ballestero, soldada da Polícia Militar de Piracicaba; e de Rosalia Toledo Ometto, representando a Sociedade Metodista de Mulheres, da Catedral Metodista de Piracicaba.

A COMISSÃO – Formada em reunião da Rede de Atendimento e Proteção à Mulher, no último dia 11 de junho, o objetivo da comissão é apresentar, ao final das atividades, um fluxograma geral que norteie as instituições e entidades quanto aos encaminhamentos necessários em casos de atendimento de mulheres vítimas de violência no município.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918


Tópicos: Procuradoria Especial da MulherNancy Thame

Notícias relacionadas