PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 24 DE JANEIRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

13 DE DEZEMBRO DE 2019

Orador popular questiona informações do Portal da Transparência


Gustavo Pompeo ocupou a tribuna da Câmara durante a 75ª reunião ordinária, na noite desta segunda-feira (12).



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução





Informações disponibilizadas no Portal da Transparência da Câmara de Vereadores de Piracicaba foram contestadas por Gustavo Pompeo, que ocupou a tribuna popular durante a 75ª reunião ordinária, na noite desta quinta-feira (12). “Enquanto o Brasil cresce a passos lentos, os gastos estão a passos largos”, disse, ao destacar que o Legislativo teria aumento de 12% nas receitas em 2020. 

Pompeo também contestou os dados quanto às passagens aéreas utilizadas pelos parlamentares. “Consta a empresa, mas não o nome do vereador”, disse, ao pedir que, no Portal, estejam as informações sobre o nome da pessoa que viajou, o dia de embarque e desembarque, assim como o motivo da viagem. “Como sãos cidadãos que pagam, ou seja, eu estou pagando, então eu quero saber”, disse. 

Ele também questionou a compra de três novos carros no Legislativo, feito em uma licitação de R$ 98 mil e, em outro certame, com R$ 104 mil. “Um empenho está um valor e, no outro, está outro”, criticou. “Se eles estão cuidando do meu dinheiro, então eu não tolero erros”, disse Gustavo. 

O orador popular também questionou o valor de R$ 1.500,00 empenhado para as chamadas “despesas miúdas”, que são recursos voltados para casos emergenciais. “Eu estou requerendo por qual motivo aparece desta maneira”, disse. 

GILMAR ROTTA  - O presidente da Câmara, Gilmar Rotta (MDB), respondeu ao orador popular, logo após o uso da tribuna. Ele lembrou que, diferente do valor que ele apresenta, o Orçamento do Legislativo em 2020 está 5% maior do que 2019, e não 12%. “Mas concordo com você que tem algumas coisas que tem que ser esclarecidas, em relação às informações das passagens, mas vale ressaltar que umas delas eu usei, para ir a Brasília, e conquistar R$ 20 milhões de aumento no repasse da Saúde em Piracicaba”, enfatizou o parlamentar. 

Gilmar informou, ainda, que foram comprados três veículos, conforme consta na ata anexada ao Portal da Transparência. “Isso foi necessário porque os custos de manutenção dos carros antigos, que já estavam com cerca de 300 km de rodagem, já está estavam ficando muito altos, então se tornou necessário”, explicou.

Quanto aos valores repetidos de R$ 1.500 para despesas emergenciais, o presidente da Casa lembrou que o empenho é diferente do valor liquidado. “Você define o valor que você pode usar, mas não quer dizer que usa o valor inteiro”, disse. 

Gilmar também lembrou que todo o processo contábil da Câmara é realizado por servidores de carreiras, profissionais da área, e que as despesas são auditadas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP). O parlamentar elogiou a atitude do orador. “É importante que você venha aqui e faça estes apontamentos, inclusive convido que você nos ajude a melhorar estas informações”, disse.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: Tribuna PopularGilmar Rotta

Notícias relacionadas