PIRACICABA, QUINTA-FEIRA, 22 DE AGOSTO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

27 DE MARÇO DE 2019

Dia da Mulher: documentário relata casos de violência e união


“Sororidade” será exibido nesta quinta-feira (27), às 19h30, na TV Câmara (canais 8 da NET, 9 da Vivo, 60.4 em sinal digital e YouTube)



EM PIRACICABA (SP)  

Salvar imagem em alta resolução

"Sororidade" é produzido por estudantes do Curso de Cinema e Audiovisual da Unimep



Doze mulheres são assassinadas, diariamente, no Brasil e cerca de 35% já sofreram algum tipo de violência física ou sexual. No início de Fevereiro deste ano, a CIDH (Comissão Interamericana de Direitos Humanos) manifestou, por meio de nota, a preocupação quanto à elevada incidência de feminicídios no País. Somente no mês de janeiro de 2019, 126 foram mortas e houve pelo menos 67 tentativas de homicídio. 

Os dados são alarmantes. São assustadores. Assim como são os relatos captados no documentário “Sororidade”, produzido por estudantes do quinto semestre do Curso de Cinema e Audiovisual da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), entre eles a diretora Mariana Sigrist e o diretor de fotografia, Murilo Bonini, ambos estagiários do Departamento de TV Legislativa da Câmara de Vereadores de Piracicaba. Também atuaram na produção os estudantes Ricardo Bombem e Leonardo Kkawaguchi. 

A produção será exibida nesta quarta-feira (27), às 19h30, com reprises na quinta-feira (28), ao meio-dia, e na sexta-feira (29), às 17h.

“O documentário surgiu da necessidade de mulheres terem lugares de fala. É muito difícil elas falarem e entenderem a importância da união para o movimento de igualdade que todas buscamos”, diz a diretora. O desafio foi tirar a violência da normalidade narrativa. “Tentamos fazer de uma forma mais didática, fazendo entender que todas já sofreram ou sofrem algum tipo de violência, física ou não.”

A edição também explorou a interatividade. Disponível no site da Produtora Verves, é possível escolher assistir o documentário a partir de três hashtags: #EuTambem #MexeuComUmaMexeuComTodas e #ComVoceAndoMelhor. Os temas se entrelaçam com a palavra-título, incentivando a busca do apoio mútuo das mulheres, como é descrito no argumento: “Sororidade é um dos principais alicerces do feminismo, sem a ideia de ‘irmandade’, o movimento não conseguiria ganhar proporções significativas.” 

“Sororidade” e insere nas atividades da Câmara em referência ao Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de Março, que contou com a Semana da Mulher e com demanda encaminhada ao Governo do Estado, com a aprovação de moção de apelo, para atendimento 24 horas da Delegacia de Defesa da Mulher em Piracicaba. (Com informações da Agência Brasil)



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: Mulher

Notícias relacionadas