PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 24 DE JANEIRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

16 DE OUTUBRO DE 2019

Aplicativo que promove acessibilidade para surdos é assunto de reunião


Vereador André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Sidney Jr (1 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (2 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (3 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (4 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (5 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (6 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (7 de 9) Salvar imagem em alta resolução

O aplicativo promove o contato instantâneo com um intérprete de libras

O aplicativo promove o contato instantâneo com um intérprete de libras
Foto: Sidney Jr (8 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr (9 de 9) Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli
Foto: Sidney Jr Salvar imagem em alta resolução

André Bandeira reuniu-se com o presidente da Ame, José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade, Geovane Barelli



O vereador André Bandeira (PSDB) reuniu-se, na manhã desta quarta-feira (16), com o presidente José de Araújo Neto e com o especialista em acessibilidade Geovane Barelli, da Ame (Amigos Metroviários dos Excepcionais), para discutir a implementação de ferramentas de acessibilidade para pessoas com deficiência auditiva no município de Piracicaba.

A Ame atua por meio de serviços que promovem a acessibilidade de pessoas com deficiência em empresas de transporte coletivo, órgãos públicos, instituições educacionais, instituições privadas, entre outros.

A instituição possui uma sede instalada na cidade de São Paulo, a CIL (Central de Intermediação em Libras), que oferece atendimentos a pessoas com deficiência auditiva, surdos e surdocegos. A sede, localizada na rua Líbero Badaró, Centro, São Paulo, que funciona de segunda-feira a sexta-feira, no período das 9h às 17h (exceto feriados), fornece atendimento presencial e online, por meio do uso do serviço ICOM.

Em São Paulo, há o serviço de navegação patrocinada, efetivado após a realização de acordo da Prefeitura de São Paulo com operadoras de telefonia, em 26 de setembro de 2019. Com o acordo, é disponibilizado o uso de dados para os usuários do aplicativo.

Na reunião, o diretor José de Araújo Neto apresentou ao vereador o aplicativo ICOM, que pode ser instalado em computadores, tablets e celulares e promove a tradução instantânea em libras. O serviço é ativado por meio de um adesivo QR CODE, que é inserido na instituição ou empresa que adere ao serviço. Quando o usuário aproxima o celular do QR CODE, é direcionado para uma chamada em vídeo com um dos interpretes da central.

De acordo com o diretor, a central funciona em tempo integral e atende mais de 800 ligações por dia. Além disso, o tempo médio de espera para o atendimento de um interprete da central é de 60 segundos.

Durante o encontro, Geovane Barelli fez uma simulação de ligação por meio do aplicativo para a Central de Intermediação em Libras e a ligação foi encaminhada instantaneamente para o intérprete Milton Nascimento de Silva, que atua há mais de um ano na Central. O intérprete contou que atua tanto em situações do dia a dia, como uma consulta ao médico, quanto na intermediação de um parto, por exemplo.

“Coisas simples tipo uma consulta ao médico, que para gente já é comum, para o surdo é um desafio”, comentou o intérprete.

O diretor da Ame explicou ao vereador que segundo pesquisas do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas), o município de Piracicaba possui cerca de 4.800 deficientes auditivos, o que corresponde a uma demanda de atendimento de 50 horas por mês. De acordo com José de Araújo Neto, o custeamento da instalação do serviço seria R$ 12.500,00 reais, sem a disponibilização do serviço de navegação patrocinada, usado em São Paulo. Com o serviço de navegação patrocinada, a instalação do serviço custaria em torno de 17 mil reais.

“Quando falamos em acessibilidade, temos que pensar de forma geral, em pessoas com deficiência auditiva, visual, motora e intelectual”, comentou André Bandeira. “ É fundamental prestarmos atendimento de qualidade no município a pessoas surdas”, completou o vereador.

André Bandeira apresentou aos participantes da reunião as atividades do Câmara Inclusiva, realizado na Câmara de Vereadores de Piracicaba e sugeriu marcar uma visita a Central de Intermediação em Libras, em São Paulo.

“Estamos conversando com o presidente do legislativo para ver o que podemos implementar dentro da realidade da Câmara”, disse o parlamentar.

Leia mais:

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/espaco-pipa-contribui-com-sugestoes-para-tornar-camara-mais-inclusiva-46568

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/camara-inclusiva-avistar-sugere-melhorias-de-acessibilidade-46588

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/camara-inclusiva-incentiva-olhar-politico-sobre-acessibilidade-46689



Texto:  Larissa Souza
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: Câmara InclusivaAndré Bandeira

Notícias relacionadas