PIRACICABA, SÁBADO, 4 DE ABRIL DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

17 DE MARÇO DE 2020

Reitor interino da Unimep defende resgate histórico da entidade


Ismael Forte Valentin, ocupou a Tribuna Popular da Câmara de Vereadores de Piracicaba para pontuar a relevância do legado histórico do Metodismo na missão de ensinar



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 Salvar imagem em alta resolução

Reitor interino da Unimep defende resgate histórico da entidade






O reitor interino da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), Ismael Forte Valentin, ocupou a Tribuna Popular da Câmara, na 12ª reunião ordinária de ontem (16), na abordagem de temática com enfoque na tradição, conhecimento e inovação, ressaltando o legado histórico da Unimep em Piracicaba, onde a instituição procura superar o período de crise com o lançamento de novos cursos, a exemplo de Odontologia e Biomedicina.

"Estou na cidade desde 2004. Assim como eu, muitos outros tínhamos o sonho de trabalhar e estudar na Unimep. Em 2004 eu fui contemplado com esse sonho, de trabalhar e estudar, fazer o meu doutorado na educação, que terminei em 2008. Depois passei a exercer atividades acadêmicas. Sempre me envolvi com atividades de extensão universitária, espaço em que a inteligência acadêmica é colocada à serviço da comunidade", disse o Reitor no preâmbulo de sua fala.

Ismael Valentin informou que, desde a semana passada foi estabelecido um comitê permanente para o problema do Coronoravírus, com a decisão pela suspensão das aulas até 28 de março, sendo que durante esse período a Instituição estará atenta às determinações de diferentes segmentos da sociedade.

O orador também fez um retrospecto do Metodismo pelo mundo, desde 1881, ainda no Império Brasileiro, onde a Igreja Metodista exercia a atividade acadêmica em Piracicaba, onde era comum na época o missionário vir com a Bíblia e a esposa vir com os livros.

"Martha Watts, jovem missionária, deixa o sul dos Estados Unidos para vir ao Brasil, com visão social e metodologias modernas para a época. São 138 anos com essa contribuição", disse.

Segundo Ismael, para a tradição cristã, educar faz parte da missão. Jesus diz: ide e ensinai. Por isso, a tradição tem dedicado séculos e séculos de investimentos na educação.

Em 1964 começam os primeiros cursos, pelas Faculdades Integradas – Administração, Economia e Ciências Contábeis. Em 1975 surge a Unimep, hoje com 40 cursos e um lastro pelo país todo, a partir da semente em Piracicaba. São mais de 700 mil alunos pelo mundo.

Ismael também falou de expectativas e desafios, onde a educação é um bem extraordinário, um dom de Deus, na perspectiva de uma educação confessional. E, reiterou que há 25/30 anos, a perspectiva de entrar nesse campo de trabalho tem feito com que instituições confessionais enfrentem dificuldades, o que não é diferente para a Unimep.

O Reitor interino disse que nos últimos dois anos atuou para a Universidade Metodista de São Paulo, no desenvolvimento de atividades acadêmicas e administrativas e em fevereiro retornou à Unimep para exercer interinamente a reitoria.

Ismael também destacou a disposição da nova diretoria no diálogo permanente com a Justiça do Trabalho, para resolver problemas trabalhistas. Além de citar que a mantenedora está disponibilizando patrimônios para resolver as pendências trabalhistas.

E, concluiu suas considerações ressaltando a disposição da Instituição vencer o período de crise, com novos desafios, sendo que estão tramitando no MEC (Ministério da Educação) o pedido de autorização para novos cursos, onde se espera a superação de dificuldades, com apoio da sociedade, uma vez que é uma Universidade Metodista de Piracicaba.



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: Tribuna Popular

Notícias relacionadas