PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JULHO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

31 DE MAIO DE 2019

Paulo Serra comenta emenda em projeto sobre Tribuna Popular


'Precisamos readaptar e ouvir mais a população', disse o vereador



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Vereador ocupou a tribuna da Câmara na 32ª reunião ordinária






Na 32ª reunião ordinária, nesta quinta-feira (30), o vereador Paulo Serra (CID) ocupou a tribuna para defender o aumento do tempo para cidadãos na Tribuna Popular da Câmara. Para ele, a solução seria reduzir o tempo da entrega de moções de aplausos ou até mesmo a sua extinção.

Serra disse ter apresentado uma emenda ao projeto de resolução 8/2019, de autoria da Mesa Diretora da Câmara, que disciplina o uso da Tribuna Popular. O questionamento do parlamentar diz respeito à proposta de que até três oradores possam ocupar a tribuna, por um período de 20 minutos. Também está no projeto que um cidadão por mês utilize o dispositivo, mas Serra defende a permanência da regra atual.

A sugestão dada pelo parlamentar é a redução ou a extinção do tempo para entrega de moções de aplausos durante o expediente. Segundo ele, é um momento para ouvir os cidadãos em suas demandas, iniciativas e sofrimentos, e que isso deve ser tratado como prioridade.

“Vamos utilizar essa Casa de forma correta”, diz Serra aos vereadores presentes. “Precisamos readaptar e ouvir cada vez mais a população. Em quatro minutos você vai falar o que? Isso perde o intuito da tribuna popular”, exclama o parlamentar.

A mesa diretora afirmou que 103 pessoas pediram para utilizar o espaço em 2018. Até o mês de abril desse ano, a tribuna foi ocupada por 50 pessoas. Em comparação com o período do ano anterior, foi superado um aumento de 30%.

Paulo Serra comentou sobre não ser ressaltado se realmente foram 50 pessoas diferentes, já que algumas utilizam a tribuna mais de uma vez. “No caso, 22 cidadãos ocuparam a tribuna popular mais uma vez no ano de 2019”, afirmou.

Segundo o vereador, é possível notar a utilização de três pessoas para a reunião, seriam necessárias apenas 35 reuniões ordinárias para acomodar 103 pessoas. Ano passado, a Câmara realizou 75 reuniões ordinárias, ou seja, mais que o dobro.

Além disso, o parlamentar aproveitou para ressaltar a primeira reunião com o Fórum Permanente sobre a saúde, que ocorreu nesta quarta-feira (29). O intuito da reunião é para começar a esboçar um trabalho de melhoria na saúde de Piracicaba, onde foram discutidos as demandas de exames e os problemas que município enfrenta.

Serra também mostrou insatisfação pela Secretaria da Saúde de Piracicaba, pois não contou com a participação de nenhum representante e não houve justificações.

O Fórum será um instrumento da Câmara de Vereadores e da comunidade piracicabana para discutir, buscar ideias e soluções para a saúde da cidade e contar com a participação de segmentos da área e representatividades da população.



Texto:  Fernanda Rizzi
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: LegislativoPaulo Serra

Notícias relacionadas