PIRACICABA, DOMINGO, 31 DE MAIO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

22 DE MARÇO DE 2016

Paiva quer trazer jovens para o Legislativo


Vereador visitou a ‘Escola Estadual Alfredo Cardoso’, na manhã desta segunda-feira (22) e se reuniu com alunos do 3º colegial



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Jéssica Gaise (1 de 3) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Jéssica Gaise (2 de 3) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Jéssica Gaise (3 de 3) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Jéssica Gaise Salvar imagem em alta resolução


Violência contra mulher, desigualdade de gênero, preconceito e sexualidade: esses foram os assuntos levantados pelo vereador José Antonio Fernandes Paiva (PT) durante sua conversa com os alunos do 3º colegial, da ‘Escola Estadual Alfredo Cardoso’, na manhã desta terça-feira (22). O parlamentar visitou a instituição para entregar aos alunos os certificados de participação do projeto ‘Conheça o Legislativo’ e para ouvir as opiniões dos jovens sobre diversos temas.

No dia 18 de junho de 2015, vinte alunos foram parlamentares por um dia, a convite do vereador os jovens discutiram a aprovação de um projeto fictício que reduzia a maioridade penal. Instigar a curiosidade e aproximar a juventude da política é uma das propostas de Paiva. Segundo ele, é preciso a formação de jovens de opinião. “Precisamos da escola para discutir projetos, leis e principalmente continuar na luta por um Estado de direito”, defendeu o vereador.

Aos 17 anos, Patrícia de Jesus Oliveira nunca tinha visitado uma Câmara de Vereadores e também não sabia qual era a função de um legislador. Segundo ela, a iniciativa a fez aprender e a deu abertura para expor sua opinião. “Acredito que é muito importante o jovem acompanhar a política, mas infelizmente alguns escândalos de corrupção me fazem perder a vontade de participar mais ativamente”, comentou Patrícia.

“Formar opiniões políticas e sociais durante a adolescência”, este é o objetivo do vereador durante seu mandato. Para ele, a escola precisa ser aliada do legislativo. Segundo a diretora da instituição, Tânia Regina Gonçalves, o papel da educação é a prática. “O que é ser cidadão? Conhecer o legislativo e suas funções faz parte disto, por isso a importância de um projeto como este, os jovens precisam sentir na pele o exercer da cidadania”, defendeu Tânia.

 



Texto:  Assessoria parlamentar


Educação José Paiva

Notícias relacionadas