PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 24 DE JUNHO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

15 DE MAIO DE 2019

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura


Moradores solicitam limpeza e recuperação do córrego que margeia a avenida 31 de março.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 3) Salvar imagem em alta resolução

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 3) Salvar imagem em alta resolução

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura
Foto: Assessoria parlamentar (3 de 3) Salvar imagem em alta resolução

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

Gilmar Rotta leva pedido de moradores da 31 de Março à prefeitura



O vereador Gilmar Rotta (MDB), se reuniu nesta segunda-feira (13) com o secretário de defesa do meio ambiente, José Otávio Menten, o secretário de obras, Vlamir Schiavuzzo, o engenheiro do meio ambiente, Fabiano Bertin e o representante dos moradores, Rubens Almeida (pastor Rubinho), que solicitou a recuperação e a limpeza de córrego na avenida 31 de Março, no trecho entre a avenida Água Branca e a rua Cornélio Pires, no bairro Pauliceia.

A solicitação foi feita por meio dos ofícios 151/2019 e 152/2019. Segundo os moradores, quando chove, as placas de cimento caem no córrego e a água transborda para a via. “É necessário limpeza no local para retirar essas placas que impedem a passagem da água”, disse Rubens.

De acordo com os secretários, o pedido para retirada dessas placas será estudado. “Iremos analisar o que podemos colocar no lugar dessas placas que estão caindo. Vamos realizar estudos para retirada de algumas árvores não nativas, considerando o problema de erosão no córrego”, informaram.

Participaram também da reunião o síndico e o zelador do condomínio Nações Unidas, Marco Volpato e José Aldo, respectivamente.

Além disso, os moradores também solicitaram poda das árvores dentro do córrego e na calçada do condomínio. “À noite, o tamanho das copas das árvores do córrego criam ambiente de insegurança e preocupação, o que cria um local favorável a assaltos”, disse Marco Volpato.



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: Infraestrutura UrbanaGilmar Rotta

Notícias relacionadas