PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 22 DE JULHO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

12 DE MARÇO DE 2019

Moradores do Glebas Califórnia reivindicam pavimentação de via pública


Em reunião intermediada por Dirceu Alves, foram discutidas propostas que serão encaminhadas ao secretário de Obras e ao prefeito.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Leandro Trajano (1 de 5) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Leandro Trajano (2 de 5) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Leandro Trajano (3 de 5) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Leandro Trajano (4 de 5) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Leandro Trajano (5 de 5) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Leandro Trajano Salvar imagem em alta resolução


O vereador Dirceu Alves da Silva (SD) reuniu-se na tarde desta terça-feira (12) com moradores da rua Santa Morato, no bairro Glebas Califórnia, que reivindicaram a pavimentação da via. As demandas solicitadas pelos moradores serão encaminhadas ao Executivo em reunião a ser intermediada por Dirceu.

A iniciativa de procurar o vereador foi do advogado Fábio Pavão. Ele conta que praticamente todas as ruas do bairro são pavimentadas, com exceção da Santa Morato. “É uma rua de fluxo intenso, usada por motoristas que optam por encurtar caminho. Quando chove, a via fica intransitável, carro pequeno não consegue passar”, disse Fábio Pavão.

O advogado reclama que o valor do seu IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) deste ano aumentou em quase 15%. “A pavimentação da rua traria até mesmo maior investimento para o bairro. Acho desaforo pagar um valor tão alto de IPTU em uma rua sem asfalto”, enfatizou.

Uma das moradoras mais antigas da rua, a aposentada Vilma Santana conta que reside no bairro há 24 anos e aponta o acúmulo de poeira como uma das maiores dificuldades decorrentes da falta de asfaltamento. “É muita poeira, os carros passam feitos ‘loucos’ na rua. Meu medo é de que, a hora em que tiver asfalto, essa rua se torne uma pista de corrida. É preciso, além do asfalto, a construção de uma lombada com urgência”, reclamou.

Fábio Pavão aproveitou a reunião para solicitar outra demanda, que também está relacionada à infraestrutura. Trata-se da construção do muro de um condomínio, do outro lado da via, que ultrapassou as medidas permitidas por lei. “Recentemente o muro foi reformado e quase não há mais espaço para calçada. Além disso, o muro está rente ao poste de energia elétrica”, denunciou.

Vilma trouxe à discussão um fato relacionado ao muro que ocorreu há mais de 15 anos. “Quando o muro começou a ser construído, meu cunhado, que é engenheiro agrônomo, percebeu que estava invadindo muito o espaço da rua. Ele abriu um processo para a derrubada do muro e venceu o caso. Dias depois, a juíza responsável pela sentença foi transferida para Rio das Pedras e nunca mais se falou nisso”, recorda.

“Minha função como vereador é fiscalizar o Executivo. Não vejo justificativa para essa rua ainda não estar asfaltada. Eu sou um incentivador da força que a política deve ter. Vou agendar uma reunião com a administração e levar todas as demandas acolhidas nesta tarde e, juntos, cobraremos o prefeito”, afirmou Dirceu.

LIXO - Os moradores também reclamam que a coleta de lixo não passa em todas as residências da rua Santa Morato. A moradora Andréia Pavão afirmou que, geralmente, o caminhão só vai até a casa de número 426. “Eu tenho que descartar meu lixo na rua de trás. Já reclamamos inúmeras vezes, mas não adianta; precisamos cobrar isso também”, alertou.

O parlamentar ouviu todas as demandas e afirmou que o próximo passo será encaminhá-las ao Executivo. “Vamos ver se conseguimos trazer o secretário de Obras até o local para conversar com os moradores; caso não haja disponibilidade, iremos até eles”, completou.



Texto:  Raquel Soares
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918


Tópicos: Infraestrutura UrbanaDirceu Alves

Notícias relacionadas