PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

14 DE DEZEMBRO DE 2017

Ministério da Saúde comunica reposição de vagas do Mais Médicos


Vereador Gilmar Rotta recebeu ofício informando sobre a recolocação dos profissionais



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Parlamentar esteve em Brasília em diferentes ocasiões para solicitar melhorias


As ações em prol da Saúde de Piracicaba estiveram como prioridade de atuação este ano pelo vereador Gilmar Rotta (PMDB), que dialogou em diferentes momentos com o Ministério da Saúde para o aumento de R$ 10 milhões no teto repassado ao município. Agora, o Governo Federal acaba de enviar ao gabinete do parlamentar ofício para informar que 21 das 25 vagas que estavam em aberto no programa Mais Médicos já foram recolocadas. O Ministério informou ainda que as quatro vagas restantes serão preenchidas em até 90 dias.

Gilmar Rotta solicitou diretamente ao secretário nacional de Saúde, Rogério Abdalla, a vinda dos profissionais do Programa Mais Médicos, quando ele esteve em Piracicaba, em 18 de maio, para reuniu com o prefeito Barjas Negri (PSDB), secretário de Saúde, Pedro Mello, e diretoria dos hospitais Santa Casa e Fornecedores de Cana.

Na ocasião, o vereador reforçou a Abdalla sobre o vencimento do projeto Mais Médicos, pois os 25 profissionais, de origem cubana, já haviam retornado ao seu país, deixando alguns Postos de Saúde da Família e Unidades Básicas de Saúde sem profissionais da modalidade.

“Continuarei lutando em prol de Piracicaba, ainda mais no quesito saúde. Conquistamos importantes melhorias e, com muito trabalho a ser realizado, tenho certeza que logo conseguiremos conquistar as demais solicitações”, disse o vereador Gilmar Rotta.

A articulação de Gilmar em Brasília aconteceu de forma mais efetiva a partir de 30 de março, data em que o parlamentar reuniu-se com Rogério Abdalla, acompanhando do secretário municipal de Saúde, Pedro de Mello, por indicação do chefe de gabinete da Presidência da República, Arlon Vianna.

O encontro serviu para que Gilmar Rotta expusesse a necessidade de melhoria na rede de Urgência e Emergência, abrangendo o Samu; construção do novo prédio da UPA Vila Cristina; Programa de Assistência Domiciliar; e, ainda, a relevância do aumento do teto do SUS em R$ 9.579.760,06 ao ano, segundo dados coletados pelo parlamentar.



Texto:  Assessoria parlamentar
Revisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: SaúdeGilmar Rotta

Notícias relacionadas