PIRACICABA, QUINTA-FEIRA, 14 DE DEZEMBRO DE 2017 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

27 DE OUTUBRO DE 2017

Idealizador do Instituto Bugão de Artes Marciais receberá homenagem


Wagnão entregará moção de aplausos a Alexsandro Nunes.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Moção de aplausos de Wagnão foi aprovada na reunião ordinária desta quinta-feira


O vereador Wagner de Oliveira, o Wagnão (PHS), teve a moção de aplausos 146/2017 aprovada pela Câmara na reunião ordinária desta quinta-feira (26). A propositura homenageia Alexsandro Nunes de Almeida, idealizador do Instituto Bugão de Artes Marciais, pela atuação junto a crianças e adolescentes do município.

Alexsandro, conhecido como Bugão, teve a ideia para o projeto após um problema de relacionamento com o filho: ele encontrou no jiu-jitsu e na paixão pelas artes marciais uma forma de se aproximar do garoto, então com 9 anos, e resolveu compartilhar a experiência por meio de um projeto social. Bugão queria agradecer as conquistas da vida e levar às crianças valores que se perderam ao longo do tempo, como o respeito aos pais.

O instituto, que não aceita doações em dinheiro, começou com apenas um aluno e hoje atende cerca de 200 crianças e jovens, de 7 a 18 anos, que praticam aulas em três modalidades: jiu-jitsu, boxe chinês e judô. As aulas acontecem ao lado do ginásio do Jaraguá.

Bugão conta que, com professores, psicólogos e o apoio dos pais, o projeto avança e conquista muitos exemplos positivos. "Minha filha sofria de síndrome do pânico e, depois de conhecer o instituto, não toma mais remédios. A síndrome passou", relata um dos pais.

O instituto tem plano de crescer mais e ocupar o tempo dos pais com oficinas promovidas para adultos, enquanto as crianças e jovens estão em aula. O objetivo é acolher todo voluntário que possa contribuir com aulas e ensinamentos de ofícios que gerem renda para as famílias carentes.

O projeto conta com diversas empresas apoiadoras, que oferecem oportunidade de emprego aos jovens que participam das aulas e também assistência odontológica para as crianças. Além disso, Bugão conta com o apoio dos professores Renato Pezão, Eleutério Netão, Jesuel Bughuinha, João Nunes, Leonardo Nunes, Ronaldo Careca e Bruno e os colaboradores Tia Lê, Tatiana, Jacira e Eliana.



Texto:  Débora Bontorim Saia
Supervisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918


Tópicos: LegislativoWagner Oliveira

Notícias relacionadas