PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 15 DE OUTUBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

16 DE JANEIRO DE 2018

Gilmar Rotta leva demandas da cidade ao Ministério da Saúde


Parlamentar terá reunião com Rogério Abdalla nesta quarta-feira, em Brasília



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução


Nesta quarta-feira (17), às 16h, o vereador Gilmar Rotta (PMDB) estará em Brasília, no Ministério da Saúde, para buscar recursos para o Programa de Residência Médica do município e melhorias para o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). O parlamentar se reunirá com o secretário nacional de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), Rogério Abdalla, acompanhado de Pedro Mello, secretário municipal de Saúde.

Recentemente, a Secretaria Municipal de Saúde abriu edital para preenchimento de 27 vagas para residência médica na cidade, nas especialidades de cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, ginecologia e obstetrícia, medicina de família e comunidade, ortopedia e traumatologia, pediatria e urologia. Segundo Gilmar, até o momento, estão previstos apenas recursos do município no programa, e a tentativa da reunião é a de verificar a possibilidade de o Governo Federal dispender do seu Orçamento para a finalidade, já que a “cogestão” é prevista em lei.

“Temos a implantação do curso de medicina em Piracicaba, pela Anhembi Morumbi, e logo esses alunos se tornarão residentes. Assim, vamos em busca desse repasse e espero que a resposta seja positiva”, disse o parlamentar, ao reforçar que a demanda por residentes será maior, diante da instalação do Hospital Regional, cujo funcionamento está previsto para março.

A demanda relacionada ao Samu diz respeito à destinação de novas ambulâncias. Pela legislação, o Governo Federal deve enviar duas viaturas por ano, o que não acontece desde 2012. “Quando o Rogério Abdalla esteve em Piracicaba, no ano passado, o vereador Laércio Trevisan Jr. (PR) entregou em suas mãos um ofício solicitando ambulâncias para a cidade. Agora, vamos atrás de uma resposta”, declarou.



Texto:  Rodrigo Alves - MTB 42.583
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: SaúdeGilmar Rotta

Notícias relacionadas